terça-feira, 2 de fevereiro de 2016

Terceiro mês

Eu sou muito simpática!! Agora da pra brincar bastante com a Talita, ela RI pra tudo e todos. Mas eu é que estou me desdobrando em mil partes pra dar muita atenção a ela, só que é difícil cuidar da casa, estudar, trabalhar e cuidar de duas crianças (filha e esposo). É, isso mesmo. Antes eu não sabia, mas depois que a gente tem filho o esposo da gente parece que é um deles, sabe? Talvez ele sempre foi assim mas é que eu só me dei conta depois que comecei a cuidar de Talita. Mas tudo bem, é cansativo sim e as vezes acho que não vou conseguir
 Logo agora que Talita começou a dar gargalhadas eu mal consigo ficar tão animada, começo a brincar e já to quase caindo de sono. Hahaha. Mas eu me esforço muito pra ela sempre conversar comigo me reconhecer, ver em mim uma figura de amiga e parceira. Infelizmente muitas vezes tenho que deixar minha bebê chorar não porque eu queira, mas sempre que começo fazer os afazeres de casa ela chora e é muito difícil parar de engomar roupas, por exemplo, e dar colo. Ela está naquela "crise" de três meses sim e não gosta de ficar sozinha. Mas sempre que posso deixo ela no carrinho perto de mim, ela fica uns 20 minutos, e que é dona de casa sabe que não da pra fazer tudo em  20 minutos. Eu tento. Faço um pouco aqui, um pouco ali. A minha prioridade é ela, claro, mas em segundo lugar tenho que tá bem fisicamente senão não dá. Enfim, ela ta mais tempo acordada, isso cansa um pouco mais, só que por outro lado ela ta pegando uma rotina e isso é maravilhoso! De manhã, acorda as 9h, toma banho e dorme mais ao meio dia, acorda às 15h e vai até 21h, quando eu começo o ritual pra ela dormir... Só dorme as 23h!!! Ela não dorme sozinha, exceto quando está bem limpinha, sonolenta e ponho no berço de bruços, então ela dorme. Por isso é importante dar um bom banho antes de dormir. Mas de noite não gosto de deixar ela dormindo de bruços porque eu tenho medo, tenho sono muito pesado e não acordo mais como nos primeiros dias, eu durmo mesmo. Gargalhadas, rotina, choro de colo, dar muitos beijinhos, dormir junto, tudo isso está fazendo parte desse mês. E é muito bom, não sei se estou fazendo o certo no ponto de vista das outras pessoas, mas o importante é que meu extinto de mãe faz coisas e a minha consciencia está bem descansada, eu faço o melhor, sempre o meu melhor.