segunda-feira, 23 de novembro de 2015

Primeiro mês

O primeiro mês foi de muitas descobertas. Foi e está sendo um mês de nos conhecermos melhor. Tanto ela como também eu reconhecer os chorinhos. Pois é a forma que ela tem de me pedir algo e até solicitar colo, e eu sempre dou! São muitos conselheiros do tipo "cuidado pra não colocar em costume" mas eu não LIGO! Afinal, se fosse pra eles (bebês) serem independentes tão cedo, Deus teria colocado bebês que já nascem andando. Então é isso, basicamente o primeiro mês é de muito mamar, trocar fralda e dar colo. Bebês só choram. A Talita acorda de manhã reclamando, do tipo "a ham a ham" rsrsrsrs se eu demorar a aparecer, ela abre o "berrero" (choro) kkk. Tem dias que ela chora mesmo dando colo, então dou um banho, canto, dou a chupeta, dou mamar, vou tentando até que assim consigo entender o que cada choro quer dizer.. Toda noite ela dorme no berço, quando ela chora muito, eu vejo se não está muito quente, troco os panos, vejo se não fez xixi (as vezes vaza), as vezes não é nada disso, ela só quer adormecer nos meus braços. Mas quase todo dia ela adormece no berço. Só que tem que ter paciência qnd ela chora, muitas vezes é pq não está tão confortável, até deixar tudo OK pra ela dormir. Ela sempre mamou de 3 em 3 horas ou menos que isso. Há alguns dias (depois de completar 1 mês) tento deixa-la dormir a noite toda, qnd acorda eu dou a chupeta, pra ela não acordar mais de madrugada pra mamar, e só umas 2 vezes deu certo, mas também quando mama de madrugada sempre volta a dormir numa boa! De dia (no 1o mês) ela fica nessa rotina: acorda, mama, brinca, dorme. Após passar esse 1o mês ela foi mudando e ficando mais tempo acordada.💟

domingo, 22 de novembro de 2015

Pós parto

Pós cesariana não é fácil. Ainda mais pra quem sonhava com o Parto normal. Nos primeiros dias eu chorava demais por isso. Tava indo tudo bem comigo, com minha filha, todas duas se alimentando super bem, cheias de saude, cuidados e tudo mais, e mesmo assim eu chorava. Eu pensava que sentiria aquelas dores pra sempre e que tudo que caia no chão e eu não conseguia abaixar e pegar, caia só pra eu lembrar que não fui capaz de parir normal. (Kkkkkkkkk, hj eu acho engraçado)
Mas aqui vai uma super #dica, qualquer coisa que estiver mal resolvida antes de passar pelo parto normal ou pela cesariana, RESOLVA! Porque tudo é motivo pra você choramingar no pós parto, então é melhor reduzir a lista. Se está brigado com o pai, a tia, irmão, se tem muita conta pra pagar, se o quarto não está arrumado do jeito que você queria, enfim, dê um jeito de resolver antes de parir. E outra coisa, não sonhe muito alto sobre a hora do seu bebê chegar, se concentra apenas em pedir a Deus muita saúde pra vocês, porque tem coisas que pode não acontecer exatamente como você esperava. Quanto menos preocupação e frustração, mais e melhor você vai aproveitar seu bebê, que também não  sabe onde está, porque tiraram ele do "bem bom", agora ele vai precisar do seu colo e do seu sorriso. É tudo mais difícil quando é cesariana, mas passa! Duas semanas depois eu já me sentia melhor, o corte ainda ardia sim e muito. Não usei cinta no primeiro mês, nem cobri o corte com nada, apenas lavando com acepyol e na barriga bepantol. Ganhei muitas estrias, mas com um mes foram clareando e a barriga diminuiu um pouco e agora sim, uso cinta 1 ou 2 vezes por semana. Nem sei se serve de alguma coisa, mas eu sou muito magra, logo voltei ao meu " corpo". Pesava 45 kg antes, cheguei a 58 e agora, com 45 dias, tô com 48 kg. Mas o que mais me incomodava era a dor, a aparência sempre tive mais paciência. Só queria que passasse todas as dores pra eu cuidar da minha bebê bem feliz, e passou!!! Agora as noites de sono não são como antes, claro, mas ela dorme toda noite, acorda pra mamar a cada 3 horas mais ou menos. Eu durmo de pouco em pouco com ela, mas confesso que não é fácil. 😴😴😴

quarta-feira, 18 de novembro de 2015

Amamentar

Primeira vez foi difícil e foi um pouco dolorido (nada insuportável). Mas, como quase sempre acontece, foi fácil pegar uma mama e a outra foi dificílimo, eu tive que comprar bico de silicone pra encaixar até ela pegar, mas com 3 dias deu tudo certo. Só a primeira semana que é dolorosa. O primeiro mês foi complicado também porque meu corpo ainda não tava bem adaptado e não havia rotina nem pra mim, nem pra bebê. Então aquele drama que toda mae faz "e é leite pra todos os lados" hahaha! Realmente é inevitável, incomoda, suja tudo, enfim é complicado. Mas com 3 ou 4 semanas(não me lembro exatamente) foi ficando prazeroso .. Principalmente quando eu via ela mamando e sorrindo ao mesmo tempo.... Isso é bom demaaaaaais... Sem explicação, sem palavras, é uma sensação divina